The Summoning

Conheci esse livros graças a Amanda do blog Enchantime. Li a resenha dela e fiquei super empolgada ao descobrir que o livro se tratava de uma garota que via espíritos. A minha série favorita de livros definitivamente é Mediadora, por isso gosto de ler muitas coisas relacionadas a esse tema.

A história é sobre Chloe Saunders, uma garota de 15 anos, que nunca tinha menstruado na vida, sempre pensam que ela tem doze anos e tenta fazer de tudo para parecer mais velha. Foi com esse começo que eu quase deixei o livro de lado e voltei para minha querida Suzannah de Mediadora, mas continuei firme e forte.

Chloe vê espíritos desde pequena no seu porão, por isso sua mãe acabou mudando de casa para ela não se sentir mais ameaçada, mas sua mãe acabou morrendo. Seu pai é um homem rico e de negócios, nunca está do lado da filha que passa a maior parte do tempo com suas governantas ou com sua tia.

Foi na escola de artes que tudo aconteceu, ela começou a ser perseguida pelo espírito de um zelador que morreu e enquanto alguns professores tentam segurá-la por causa de sua suposta loucura, ela foi dopada e levada para a Casa Lyle, uma espécie de casa que cuida de crianças e adolescentes problemáticos.

Agora vou contar os pontos negativos dessa parte: Um zelador que morreu precisa de ajuda e tenta chamar a atenção da menina se transformando em um espírito putrefato? Ele não podia ter sido mais delicado? Achei exagero essa parte. E só porque ela começou a gritar na escola, quer dizer que ela precisa ser levada para uma casa de loucos? Se eu não soubesse o final da história, eu acharia essa parte mais forçada que a antes.

O negócio é que The Summoning não é aquele livro que vai te prender de começo, ele vai apresentando a trama bem aos pouquinhos e coloca pouquinho nisso. Juro que pensei várias vezes em abandonar o livro para ler um melhor. Mas acho que se Chloe não tivesse entrado para Casa Lyle, nunca teria achado a história legal, porque é nesse instante que as coisas vão ficando interessante.

A protagonista conhece os internos da casa: Liz (uma menina que supostamente é perseguida por um poltergeist), Tori (uma garota mimada e chata), Peter (um personagem secundário que aparecerá bem pouco na história, porque logo sumirá), Simon (um garoto gentil e até aceitavelmente bonito, que se preocupa muito com seu meio-irmão), Derek (irmão mais velho de Simon, cheio de espinhas e com certeza nada atrativo) e Rae (uma garota que ama fogo, e vive com fósforos escondidos para poder acender e ficar admirando).

Outro ponto negativo: para uma casa de loucos, tinha muito pouco loucos no local. Eu sei que dá um trabalhão criar muitos personagens e tentar desenvolvê-los, mas acho que podia ter mais pessoas no local, mais personagens secundários e sem importância só para preencher mais. Mesmo assim, valeu a penas conhcer os personagens que citei.

Mas o personagem que merece o maior destaque de todos é definitivamente Derek. Não importa se ele tem espinhas, se ele não tem atrativos (a não ser os seus músculos), o cara é incrível. Por mais antissocial e rude que seja, ele sempre está preocupado com a segurança do seu irmão e até de Chloe. Derek é cercado de mistérios e ao decorrer do livro você vai descobrindo mais sobre isso e sobre os demais personagens (que são cheios de mistérios que também achei forçado no começo, mas depois achei tão legal!).

O FINAL ME DEIXOU ACABADA. Não porque é ruim, mas porque precisa ler os outros livros para saber o final! Ou seja, não sei como a história termina e preciso achar o download (de preferência em português) em algum lugar. ESTOU DESESPERADA!

No começo vi tantos pontos fracos na história, mas tantos, e agora viciei total no livro. The Summoning é ótimo! Não é clichê, não tem garotos perfeitos que te fazem suspirar, tem garotos quase verdadeiros com seus defeitos e tudo mais. E Chloe, a chata Chloe, ao longo da história melhora muito, amadurece e fica super corajosa. Realmente preciso da continuação do livro!

Se quiserem ler a resenha da Amanda, que foi o que me induziu ao livro, o link está aqui.

3 Comentários:

  1. A capa é bonita *-*

    http://myevery-thing.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. há, parece ser muito bom esse livro. tirando que a capa já é tudo de bom né, com a sinopse fica melhor ainda. Gostei bastante da resenha (:
    Beijos, Vanessa.

    ResponderExcluir
  3. AHH! fiquei muito feliz quando você me disse que tinha gostado *.*

    ResponderExcluir