Água para Elefantes


Já havia lido sobre esse livro em um daqueles folhetos que vem quando você compra livros, mas só decidi baixar quando descobri que vai sair o filme e que será estrelado pela linda da Reese Wintherspoon e pelo Robert Pattison (que não gosto muito, diga-se de passagem).

A história é sobre Jacob Jankowski, um estudante de veterinária que está terminando o curso quando recebe a notícias que seus pais morreram em um acidente de carro. Por causa das dívidas deles, Jacob perde sua casa e a clínica veterinária de seu pai e acaba se afundando em uma terrível tristeza. Abandonando a faculdade e entrando, sem saber, em um trem que pertence a um circo, Jacob se vê em nova vida, onde é contratado para trabalhar como veterinário dos animais do circo Irmãos Benzini, o Maior Espetáculo da Terra. Com 93 anos, Jacob vai contando sua história de juventude e como um circo mudou sua vida.

Confesso que só realmente fiquei satisfeita com o livro quando chegou ao final. O achei um tanto parado e poucos personagens se tornaram realmente cativantes para mim, mas acho que o mais destacado é nada menos que o próprio Jacob que narra a história. Tanto com 93 anos quanto com 23, a narração de Jacob é ótima e me lembra um tanto Holden Caufield do livro O Apanhador no Campo de Centeio.

Achei os diálogos também um tanto rápidos demais e esperava um pouco mais da descrição, mas o livro não fica a desejar. Sara Gruen realmente conta histórias verdadeiras sobre os circos das décadas de 1920 e 1930 e não tem como não se sentir nessa época. Há também umas cenas um tanto explícitas, mas nada realmente que impossibilita pessoas menores de dezoito ler (já livros piores, é).

Outro destaque que preciso dar são para Camel, Kinko (ou Walter), Queenie e Rosie. Camel, um velho acabado que vira amigo de Jacob e acredita no potencial do garoto. Kinko, um anãozinho ruivo que no começo odeia dividir seu vagão com Jacob, vira o melhor amigo dele, junto com Queenie, sua linda cachorrinha Terrier. E Rosie, a elefanta da história que merece toda a atenção por ser extremamente encantadora, mesmo quando não age dessa forma.

Não vejo a hora de assistir o filme e conferir se é tão bom quando o livro. Pelo trailer, o achei tão mágico quanto.

2 Comentários:

  1. O livro mesmo não sendo do meu estilo parece ser bem interessante. Gostei da resenha.

    http://sempre-lendo.blogspot.com/

    Abraços
    Juan

    ResponderExcluir
  2. Ouvi falarem muito sobre esse livro, mas nunca me interessei muito. Vou esperar pra ver o filme *-*

    xx carol

    ResponderExcluir