Lua das Fadas

Eu não me lembro muito bem em que parte do livro está, mas li uma frase que fez todo o sentido: "Você não escolhe um livro, o livro que escolhe você". Foi mais ou menos desse jeito que Lua das Fadas de Eddie van Feu foi parar em minhas mãos. Eu estava fazendo compras em um mercadinho próximo de casa, onde tem uma banca junto e decidi dar uma olhada nas novidades. Olhei os mangás (fiquei realmente tentada em comprar um, mas atualmente estão tão caros que nem vale a pena), as revistas sobre bandas, a Veja, a Mundo Estranho e outras revistas fora do comum até que parei na seção Wicca. Sou agnóstica como já falei, mas sempre me interessei por magia a ponto de ler e assistir um bocado de coisas sobre isso, então, no fundo, no fundo eu sempre quis conhecer um pouco mais sobre Wicca.E lá naquela seção me deparei com esse livro de capa magnífica!
Peguei-o e decidi ler a sinopse, achei bem interessante e logo de cara já percebi que era um livro Wicca, mesmo assim, não quis comprar porque nunca havia ouvido falar sobre ele e pensei que poderia me arrepender. Grande engano. Quando cheguei em casa, comecei a pesquisar um pouco mais e achei que realmente teria valido a pena comprá-lo. Jurei que a próxima vez que eu fosse ao mercado, eu iria comprá-lo.
Não demorou muito e já tinha o livro em mãos! No começo, eu achei-o um bocado bobo, sabe? Pensei que realmente iria me arrepender de tê-lo comprado, mas Eddie falava tanta coisa no livro que eu me identificava que decidi continuar até o final, gostando ou não. Acabei me apaixonando pela história, de verdade, a ponto de chorar em algumas partes e ficar deslumbrada em outras. Eu sou apaixonada por livros fantasiosos, com fadas, duendes, elfos, entre outros, sem falar na cultura irlandesa e celta, por isso o livro ganhou muitos pontos comigo. O livro é simples, talvez faltou alguma coisinha nela (é que eu sou chata e exigente mesmo), mas ele trouxe tanta nostalgia para mim, que não posso reclamar. Realmente me fez lembrar da minha infância!
Mas afinal, do que se trata o livro?
A história é sobre Bianca, uma garota que adora a religião Wicca e juntamente com sua amiga Analice decidem brincar de Ouija (sabe aquele tabuleiro que você faz pergunta para espíritos com um copo? Então, Ouija é isso mesmo), o problema é que enquanto faziam isso, Analice acabou desaparecendo sem deixas rastros. Desesperada, Bianca tenta descobrir uma forma de resgatar a amiga e tem certeza de que ela está em mundo paralelo como o Mundo dos Mortos. Através das dicas, que uma pessoa misteriosa está deixando, ela descobre que sua amiga está no Mundo das Fadas (que é bem mais terrível do que aparenta) e vai atrás dela. Nessa aventura, ela conta com a ajuda de um anjo chamado Zacariel, e os dois vão passar por poucas e boas até descobrir o que aconteceu com Analice.
Eu adorei o Mundo das Fadas! Ainda mais por saber que ele não é tão fofo e bonitinho como nós geralmente pensamos. Lá abriga criaturas terríveis como a Corte Unseelil, formada por goblins que amam torturar seres mágicos e também gigantes que matam sem pensar duas vezes. Achei também muito criativo os obstáculos que Bianca precisou passar para conseguir informações e objetos que necessitava para concluir sua missão. Simplesmente estou encantada com esse livro!
Quando você terminar o livro e pensa que a história acabou, Eddie ainda nos presenteia com um conto sobre o passado de Zacariel, o que ajudou a entender um bocado sobre a história e completar algumas lacunas. Gostei realmente dos personagens principias, de Bianca, que parecia bobinha no começo e se mostrou realmente corajosa e Zacariel, que por mais que não parecesse realmente um anjo para mim (afinal sou daquelas que acham que anjos devem ser desprovidos de qualquer sentimento, sabe?), adorei seu jeito diferente de lidar com a situação, mostrando não só suas falhas como também suas qualidades. Outra coisa que gostei muito foi a capa e as ilustrações que tem no meio do livro, feitas pela Carolina Mylius! Segue algumas imagens:




Quem quiser saber mais informações sobre o livro (que é brasileiro, esqueci de informar isso), pode encontrar no site da autora ou no blog do livro.

5 Comentários:

  1. Tenho medo dessa brincadeira do copo huaha
    sério =)

    ResponderExcluir
  2. a capa é linda mesmo e eu gosto muito de ler coisas sobre Wicca,vou procurar desesperadamente por ele.

    (yep! eu fiz o desenho a mão e depois colori no PS)

    ResponderExcluir
  3. Eita, entrei no blog, vi tudo mudado e rolei pra baixo, quando me deparo com essas fotos mágicas aqui, me encantei. Sou louca por histórias assim e essa me deixou bastante curiosa. Já marquei como vou ler e não sossego até que eu consiga. Adorei. *.*

    ResponderExcluir
  4. Oi,Dasty! Obrigada pela resenha de Lua das Fadas! Fiquei super feliz mesmo e espero que você curta os outros livros de fantasia que temos! Um super beijo!

    ResponderExcluir
  5. simplesmente amo de paixão esse livro <3

    ResponderExcluir