Cabeça de Vento


Há um bom tempo estou louca para ler esse livro. Precisa realmente de um por quê? Simples: Meg Cabot. Novamente fui surpreendida com uma história criada por ela recheada de aventura e personagens incríveis em situações diferentes e engraçadas. Posso classificar Cabeça de Vento na mesma linha que a série Mediadora e a série Quando cai o raio, por causa dos temas um tanto estranhos.
A história é sobre Emerson Watts (que gosta mais de ser chamada Em, porque Emerson é um nome masculino), uma garota nerd, que adora vídeo game e só possui um amigo em sua escola, chamado Christopher, por quem nutre uma paixão desde que o conheceu. Um dia, ambos levam a irmã mais nova de Em, Frida, para um super evento em uma loja chamada Starks para ela conhecer um cantor famoso. Mas quem acaba estando lá é nada menos que a modelo mais famosa da atualidade Nikki Howard, que acaba sofrendo um acidente junto com Em, após um telão ter caído.
Quando Em acorda, ela está em um hospital e no corpo de Nikki. Então, ela descobre que sofreu uma cirurgia de transplante de cérebro já que seu corpo foi massacrado no acidente e Nikki teve um aneurisma. Agora ela terá que aceitar essa nova vida, que para alguns foi pura sorte, para ela, nem tanto.
Parece realmente absurdo, não é? Eu achei a história fantástica. Lembra um pouco Sexta-feira muito louca, mas sem a parte de troca de espíritos e sim algo mais científico e bem assustador. Eu achei que Em até que encarou bem a troca de corpo, se fosse eu, estaria surtando. Deve ser realmente incrível poder ser alguma pessoa famosa e bonita, mas seria terrível abandonar sua vida antiga e até esquecer quem de fato você era.
Em, por causa do contrato que Nikki tem com a Starks, terá que agir como a modelo e esquecer que um dia foi Emerson Watts. Ela passará a ser o centro das atenções e dividir um apartamento com Lulu, a melhora amiga de Nikki que percebe logo de cara que sua amiga já não é mais a mesma. Lulu é simplesmente incrível! Eu a adorei. Gosto muito de histórias em que a melhor amiga tem um bom destaque e sempre está disposta a ajudar a principal.
Nikki também possui um namorado, Brandon Stark (filho da empresa para qual Nikki trabalha), que é super bonito, mas é um babaca. E também há Gabriel Luna, o cantor que estava também no evento e se apaixonou por Nikki. E você pensa que a lista de admiradores da modelo acaba por aí? Ainda tem muito mais. Apesar de tantas opções, Em só tem olhos para seu melhor amigo Christopher e tentará estudar na mesma escola que antes para se aproximar dele.
O livro, apesar de ter 320 páginas, que eu devorei em um dia, conta mais sobre a transição de vida da Em para Nikki. Não tem nenhum suspense que te prenda até o final, mas você lê para saber como será essa nova vida. Mesmo assim, dá para perceber que a tal empresa Stark esconde algum segredo e duvido muito que a verdadeira Nikki tenha morrido de aneurisma, achei muita coincidência. Ainda acho que nos próximos livros isso será explicado melhor.
A narração do livro realmente leva você a pensar “E se fosse eu?”. É interessante parar para pensar nisso e ver diante de você a possibilidade de ser outra pessoa. Por mais que pareça algo até incrível, dá para sentir o drama de Em e como sua vida antiga foi arruinada por causa do acidente, mesmo parecendo que a nova seja melhor. Acho que a parte que mais me deu vontade de chorar foi quando ela encontra Christopher como Nikki e ele não a reconhece. Ele nem ao menos sente algo por ela mesmo Em sendo agora uma modelo bonita. Christopher ficou realmente arrasado com a morte dela que até mudou seu comportamento.
Foi meio que impossível não imaginar um filme para esse livro, já que a história é pura ficção científica com alguns toque femininos. Por isso, decidi fazer um cast, de acordo com o que eu imaginei para os personagens.

Sara Paxton como Nikki Howard, Ellen Page como Emerson Watts, Colton Haynes como Brandon Stark, Douglas Booth como Gabriel Luna, Candice Accola como Lulu Collins, William Moseley como Christopher, Liam Hemsworth como Justin Bay e Chloe Moretz como Frida Watts.

O segundo livro, Sendo Nikki, já está comigo e pretendo lê-lo assim que tiver tempo. Quero muito saber o que vai acontecer, principalmente o desfecho dessa história tão incerta. E aí? Vocês já leram? O que acharam do cast?

4 Comentários:

  1. Nunca li nenhum livro da Meg, acredita? Shame on me! ahahahahaha

    Esse livro parece ser bem divertido! Os primeiros títulos da Meg que me deixam meio com o pé atrás, mas estes últimos até me despertam uma boa vontade para lê-los! :D

    A resenha ficou ótima.

    Beijos!
    http://www.pronomeinterrogativo.com

    ResponderExcluir
  2. aahh eu amo a Meg tbm ;D
    quero muito ler esse livro, faz tempo...

    ResponderExcluir
  3. É possível fazer isso de transfusão de cérebro? o_o Porque eu achei interessante, haha.
    Adoreeeeei sua resenha! Me deu bastante vontade de ler, eu amo demais os livros da Meg *-*

    xx carol

    ResponderExcluir
  4. nuss... SEMPRE imaginei o liam como steven... eu colocaria a lindsay shaw como em, a taylor swift como nikki, o zac efron como christopher, a miley cyrus como lulu, o brant daugherty como brandon e [SPOILER] a demi lovato como o outro corpo da nikki

    ResponderExcluir