Amy Hildebrand

Gosto muito de fotografia. Acho que como todas as artes, essa também é uma forma de expressar o que sentimos e vemos. Cada um tem uma percepção diferente, um olhar diferente para as coisas ao nosso redor.  Quem quiser ser fotógrafo, escritor, artistas, o que for, sempre precisa enxergar diferente das outras pessoas.
É o que a fotógrafa Amy Hildebrand faz. Ela nasceu com albinismo e por conta disso era praticamente cega. Mas, após um tratamento e cirurgia, agora ela já consegue ver algumas sombras, cores e formas. Por conta disso, decidiu iniciar um projeto fotográfico em que tiraria uma foto por dia e postaria em seu blog, White Little Sound.
Apesar das limitações, Amy usa os outros sentidos para ajudá-la e consegue tirar fotos lindíssimas! As cores, os cenários, as pessoas, tudo que ela fotografa parece algo mágico, como se contasse uma história. Fiquei apaixonada pelo projeto dela! Isso mostra que nenhuma limitação pode nos impedir de fazer o que queremos.
O equipamento que ela usa é uma Canon 5D Mark II, ela também usa câmeras analógicas e polaroids.







Para conhecer mais sobre o trabalho dela, aconselho dar uma olhada no blog dela. Além das fotos, ela também posta frases. O projeto foi finalizado em Junho de 2012.

6 Comentários:

  1. as fotos são lindas, se você parar para pensar é triste na verdade, ela não consegue ver a total beleza das fotos. incrível o blog, uma foto mais bonita que a outra.

    ResponderExcluir
  2. As fotos sao lindas, muito delicadas!! Mesmo que ela nao consiga ver totalmente, ela com certeza sente o seu trabalho!!! Muito bonito ><

    ResponderExcluir
  3. Parece bastante caseiro e cotidiano, diferente do comum, gostei!

    ResponderExcluir
  4. Que liiinda essa pequena!
    Acho muito legal mesmo essa superação das limitações. Que bom que temos exemplos assim para nos inspirar, né?

    ;*

    ResponderExcluir
  5. aiai! Quantas fotos lindas para me deixar inspirada, já estou la no blog dela fazendo a festa.

    Beijos,
    Pepper Lipstick

    ResponderExcluir