10 on 10 - Julho

Eis me aqui, não sabendo onde enfiar a cara por ficar tanto tempo sem postar. Acho que estou meio enferrujada. De qualquer forma, ainda existe esse projeto que me obriga a postar todo mês e também me mostra a falta que isso me faz. O tema desse mês é férias.
Normalmente eu tiro todas as fotos com minha câmera DSLR, mas eu decidi dessa vez postar as fotos que fiz com o celular por causa da praticidade e porque eu gostaria de mostrar o que andei fazendo por aí. Queria fugir um pouco daquele negócio "O que faço nas férias: leio, assisto séries, cinema, etc". Então, vamos lá!

Uma das coisas que mais marcou esse começo de férias decididamente foi a Copa. No começo, confesso, que torcia o nariz e achava que tudo ia dar errado. Agora, preciso confessar que simplesmente adorei. Fiquei uma viciada a ponto de saber o resultado de quase todos os jogos e acompanhar vários. Torci tanto para o Brasil e pensei que não iria sobreviver aos pênaltis do jogo com o Chile. Uma peninha que estamos fora ):

Outro time para qual torci bastante (e que não é nenhum segredo) é o Japão. No primeiro jogo deles com a Costa do Marfim, uma emissora do Japão veio filmar os descendentes torcendo. Eu, como não sou descendente, me infiltrei (hihi). Mentira! Na verdade, como faço aulas de japonês, karatê, taiko e convivo com descendentes, acabei caindo de balão lá. A festa que os descendentes fizeram para o jogo foi SENSACIONAL. Tinha diversas comidas, tudo nas cores do Brasil e do Japão. Mesmo o Japão perdendo, a sensação de estar torcendo junto com várias pessoas foi incrível.

Acabei viajando por um curto tempo para o interior. Por sorte, acabei me reencontrando com quase todos os meus primos. De noite decidimos sair para comer em um restaurante que vende panquecas.

Fui pela primeira vez na Casa das Rosas, um dos pontos turísticos de São Paulo. Lá é muito lindo! Parece que você volta no tempo ao ver aquela mansão. Adorei principalmente o piso de lá!

No mesmo dia que visitei a Casa das Rosas, também fui no Itaú Cultural, no MASP e na exposição que mais está bombando em São Paulo: Yayoi Kusama - Obsessão Infinita.

Consegui, finalmente, tirar minha faixa amarela! Fiquei tão feliz! O que mais gosto nas férias é justamente ter tempo para treinar karatê. Vai ser a coisa que mais vou sentir falta quando começar as aulas e o trabalho.

Como sou absolutamente louca-obsessiva pelo Japão, eu precisava ir em um dos maiores festivais de todos. Fui na sexta-feira, em pleno jogo do Brasil com a Colômbia. Estava vazio e deu para aproveitar bastante e também torcer pelo jogo com diversas pessoas gritando.

Lá no festival comi algo que há muito tempo estava querendo: Okonomiyaki. É uma espécie de tempurá (massa com legumes e carne), com vários molhos em cima. É FANTÁSTICO. Se não fosse tão caro, teria comido mais haha. Outras coisas salgadas que comi foram: gyoza (é uma espécie de ravioli asiático com recheio de carne e legumes, uma delícia também!) e Hyuga-Ramen (um sopão japonês com massa, carne de porco, naruto, etc).

Quantos aos doces, experimentei também algo que queria comer há muito tempo. Sempre via nos animes o famoso Dango. E a minha opinião sobre ele é: estranho. Não sei se é bom ou se é ruim, apenas é estranho. As bolinhas são feitas de farinha de arroz e são bem moles. O molho é agridoce e não faço ideia do que é feito. É uma comida bem exótica. Também comi Ichigo Daifuku (morango da sorte). Ele é um doce que possui um morango dele com anko (feijão doce: uma delícia) e envolto de uma massa de mochi. Essa massa é muito estranha também, mas bem gostosa. Não sei nem explicar qual a sensação, só provando. E vale a pena.

Depois de ficar 7 horas nesse evento, meus amigos e eu decidimos deitar em uns tatames que tinham ali.

Espero que tenham gostado e que o post não tenha sido só fotografias, como também informativo! :D

Obs: Vou tentar postar mais. Torçam por mim.

Segue a lista de outros blogs participantes:

Bella Freitas
Bia Ferreira
Evelise Marques
Gabrielle Silva
Jhoyce Adelaide
Joyce Freitas
Luciana Rodrigues
Renata Fukuda
Stael Guimarães